Identificado dois casos suspeitos de febre amarela no Jardins Mangueiral

1

 

Identificado dois casos suspeitos de febre amarela no


 Jardins  Mangueiral

Os casos de febre amarela
noticiados nos telejornais deixam a população em alerta e provoca uma corrida
aos Postos de Saúde em alguns estados brasileiros.  Agora são os moradores do Jardins Mangueiral e
São Sebastião que estão assustados com o surgimento de casos da doença no
bairro. Foram identificados dois moradores do bairro com sintomas da febre
amarela o que deixa a população mais apreensiva com o aparecimento dessa doença
em nossa cidade e sobre a necessidade de imunização da população. Por isso fica
o alerta para você que ainda não tomou a vacina contra a febre amarela que
procure os postos de saúde para se imunizar contra a doença. Vale também evitar
locais de  risco de contato com os
mosquitos que transmitem a febre amarela do tipo silvestre, circulantes em
áreas de mata.   Outras medidas preventivas são: evitar focos
do mosquito Aedes Aegypti, transmissor
da febre amarela urbana e outras doenças, manter sempre calhas limpas,
verificar se há água parada nas proximidades das residências e usar repelentes.


O Jardins Mangueiral é um bairro
cheio de poços de captação das águas da chuva que podem se tornar um criadouro
do mosquito. Além disso, há muita sujeira próxima ao Parque e por trás das
Quadras bairro. O Jornal Mangueiral entrou em contato com órgãos competentes e
informou sobre o risco do surgimento de foco do mosquito Aedes Aegypti no bairro e sugeriu a realização de campanha de vacinação
da população para imunizar os moradores do Jardins Mangueiral e Jardim Botânico/DF
contra a febre amarela.


  
Ao primeiro sintoma da doença,
você deve procurar atendimento médico. Veja abaixo alguns sintomas:

Febre, dor de cabeça, náuseas e
vômitos. Os casos graves podem causar doenças cardíacas, hepáticas e renais
fatais. 






1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui