MP de combate a fraudes na Previdência pode sair nesta sexta

0
BRASÍLIA (Reuters) – O secretário de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, afirmou que teve uma reunião na Casa Civil para arrumar os “últimos pontos” da medida provisória que pretende combater fraudes na concessão de benefícios pagos pelo INSS e que há a possibilidade de a iniciativa ser editada ainda nesta sexta-feira (18).
“Estamos trabalhando porque tem esse processo de chancela que a MP precisa ter nos órgãos de controle e na SAJ (Secretaria de Assuntos Jurídicos). Tivemos uma reunião agora para arrumar os últimos pontos”, disse ele, na saída do encontro no Palácio do Planalto.
Questionado se a MP poderia ser editada nesta sexta, Marinho respondeu: “Possibilidade há.”

“Estamos trabalhando, vamos ver se vai dar certo”, acrescentou. Na quarta-feira (16), o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, disse que a MP poderia ficar para depois da viagem a Davos. O Fórum Econômico Mundial ocorre na cidade suíça entre os dias 22 e 25.
O secretário não quis opinar sobre se o ministro da Economia, Paulo Guedes, vai apresentar ao presidente Jair Bolsonaro detalhes da proposta da reforma da Previdência na viagem que ambos farão a Davos. “O presidente está sendo periodicamente informado dos pontos”, afirmou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui