Mulher é sequestrada na Asa Sul e em seguida estuprada no Parque da Cidade

0

Uma mulher passou por momentos de desespero no centro da Capital, no fim
da tarde desta quarta-feira (5) . Ela foi vítima de sequestro – roubo
com restrição de liberdade –  e estuprada. O caso foi confirmado pela
Polícia Civil e vai ser investigado pela Delegacia Especial de
Atendimento à Mulher (Deam).

Após a violência sexual, a vítima ainda
teria sofrido agressões físicas. Ela foi encaminhada ao hospital para
exames e, segundo a PCDF, não corre risco de morte.

O autor do crime ainda é procurado pela polícia. Segundo o Sindicato
dos Policiais Civis do DF (Sinpol), ele teria abordado a mulher na
altura da 408 Sul, a jogado em um carro e a levado para uma área mais
escura do Parque da Cidade, próximo a um bambuzal. Neste local a mulher
foi estuprada e também teria sido estrangulada pelo criminoso.


Desde a hora do crime, os policiais estão nas ruas na tentativa de
encontrar o autor. A mulher foi encaminhada à Deam para dar depoimento.
Ela também foi encaminhada ao hospital para os procedimentos que devem
ser tomados em casos de violência sexual. Na delegacia, abalados, os
familiares da vítima preferiram não conversar com a imprensa.


Dados

Segundo o último balanço apresentado pela Secretaria de Segurança
Pública (SSP-DF), 59 pessoas sofreram estupro em agosto deste ano. No
mesmo período do ano passado, foram 60. Já no acumulado dos primeiros
oito meses deste ano, foram 422 vítimas, contra 487 do primeiro ao
oitavo mês de 2017. Em 97% dos casos, a vítima foi uma mulher.Em plena
luz do dia, uma mulher viveu momentos de pânico no Plano Piloto na tarde
desta quarta-feira (5).  Um homem a raptou na altura da Quadra 408
Sul,  e na sequencia, a levou em um carro para o Parque da Cidade, onde a
violentou e tentou matá-la.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui