Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

0

BBLHANn.img  - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

O Brasil atingiu em 2017 o maior número de mortes violentas intencionais, como homicídios e latrocínios,
da sua história: 63.880 vítimas, o equivalente a 175 por dia, 7 por
hora. Os dados foram revelados nesta quinta-feira, 9, pelo Fórum
Brasileiro de Segurança Pública, em São Paulo. A taxa de mortes por 100 mil habitantes atingiu a marca de 30,8.

O ano de 2017 foi marcado por brigas entre facções criminosas que causaram, já no primeiro dia do ano, 56 homicídios no interior do Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), em Manaus. O massacre se repetiria com intensidade similar em Boa Vista, na Penitenciária Agrícola Monte Cristo, onde 33 morreram , e na Penitenciária de Alcaçuz, na Grande Natal, onde ao menos 26 foram mortos
O contexto de confronto entre essas organizações criminosas, cujos expoentes são o Primeiro Comando da Capital (PCC) e o Comando Vermelho (CV), permaneceu fora das prisões, elevando o número de assassinatos cometidos nas ruas em diversos Estados.
Mais de um ano depois dos assassinatos marcados pela crueldade, com decapitações e esquartejamentos, o Estado constatou que a superlotação e as condições precárias ainda são uma realidade quase intocada nos presídios, em meio ao fortalecimento das facções e uma violência que só avança nas cidades.

IMG 20180808 WA037728129 3 1024x893 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

IMG 20170312 WA007728129 CC3B3pia 22 1024x243 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

20171213 074457 CC3B3pia CC3B3pia28229 22 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

20170730 225835 CC3B3pia28229 CC3B3pia 22 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

KLPC387 5 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017

37729378 2037572629609515 8033279836568944640 n 22 - Com 63.880 vítimas, Brasil bate recorde de mortes violentas em 2017




Publicidade

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui