Bolsonaro venceu em todos Estados do Sul, Sudeste e Centro-Oeste

0
pelos próximos quatro anos, Jair Bolsonaro (PSL) obteve mais de 57,7 milhões de votos e foi o preferido entre os eleitores de todos os Estados das regiões Sul, Sudeste e Centro-Oeste e no Distrito Federal.
No Norte do país, Bolsonaro saiu vitorioso em cinco dos sete Estados da região e só foi menos votado do que Fernando Haddad (PT) no Tocantins e no Pará.
Bolsonaro diz que será um ‘defensor da democracia e da liberdade’
Já no Nordeste, o petista levou a melhor contra o futuro presidente do Brasil em todos os Estados, com ampla margem de diferença. Na região, Bolsonaro só ultrapassou os 40% dos votos válido.
Sul
Com quase 6 milhões de votos a mais do que Haddad nos três Estados da região, Bolsonaro foi escolhido por mais de 11 milhões de moradores da localidade.
A maior diferença entre os Estados do Sul, de 2,2 milhões de votos, foi registrada no Paraná, onde Bolsonaro foi preferido por 4.224.416 eleitores e Haddad, por 1.948.790.
Sudeste
Na região que abriga os três maiores colégios eleitorais do Brasil, o candidato do PSL também foi o mais votado em todos os Estados, conquistando 13,3 milhões de votos a mais do que Haddad, que foi escolhido por 15 milhões de moradores da localidade.
Bolsonaro diz que vai governar o Brasil com a Bíblia e a Constituição
As maiores vantagens de Bolsonaro na região foram obtidas em São Paulo e no Rio de Janeiro, onde o futuro presidente conquistou duas vezes mais votos do que seu oponente.
Centro-Oeste
Bolsonaro também levou a melhor em todos os três Estados do Centro-Oeste e no Distrito Federal com uma vantagem de 2,5 milhões de votos.
Em toda a região, o peeselista foi o preferido por 5.163.022 e Haddad recebeu 2.595.289 de votos, sendo a principal diferença na capital federal, onde Bolsonaro teve 98% de votos a mais do que o petista.



Norte

O candidato do PSL foi o mais votado de cinco dos sete Estados que compõem o Norte do Brasil, mas perdeu no Pará, maior colégio eleitoral da região, e no Tocantins.
Ao todo, Bolsonaro conquistou 4.242.024 na localidade e Haddad foi a escolha de 3.932.378 eleitores, o que resultou na menor diferença entre as regiões vencidas pelo presidente eleito, de somente 309 mil votos.
Nordeste
A única região em que Bolsonaro perdeu novamente em todos os Estados foi o Nordeste, o que resultou em uma diferença de 11,4 milhões de votos a favor do petista.
Apesar da derrota, o peeselista obteve uma votação expressiva, com 8,8 milhões de votos. Ainda assim, ele só ultrapassou os 40% dos votos válidos no Alagoas.

Campanha CLDF



DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui